BENEFÍCIO DO AÇAÍ PARA A PELE

BENEFÍCIO DO AÇAÍ PARA A PELE

CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

 

O fruto açaí (Euterpe oleracea martius) está tendo suas propriedades medicinais estudadas em diversos países do mundo, inclusive no Brasil. Existem artigos científicos publicados tratando sobre o tema. Extratos retirados do açaí apresentam efeitos antioxidandes, antimicrobianos e antitumorais na pele em estudos em vitro e in vivo. 1,2

O açaí contém em sua composição química, compostos polifenólicos como as antocianinas e flavonoides, aos quais é atribuída a propriedade antioxidante e fotoprotetora. 3

Foi feito um estudo em laboratório com cultura de células da pele chamadas fibroblastos em após adicionar extrato de açaí. Foi demonstrado que houve maior resistência dessas células ao extresse oxidativo causado pela exposição à radiação UV-A, o que demonstra potencial de atuar no retardo do fotoenvelhecimento da pele. O extrato do açaí é rico em malvidina e cyanidina que são substâncias capazes de se contrapor aos efeitos danosos induzidos pela irradiação com a radiação UV-A. 4

Há estudos do uso de óleo extraído do açaí para combater melanoma de ratos com bons resultados como fotosensibilizador para terapia fotodinâmica. 5

A ingestão de açaí aumentou a neovascularização e melhorou a sobrevivência das células em enxertos cutâneos em cirurgias plásticas da pele.5

Os resultados dos estudos sobre o açaí são promissores para aplicação na dermatologia, mas é importante ressaltar que são estudos iniciais. É necessário haver  estudos clínicos robustos sobre o tema para maior detalhamento das propriedades farmacológicas de derivados do açaí.

 

FONTES BIBLIOGRÁFICAS:

 

1-            RAMOS, KLV. Avaliação da citotoxicidade da terapia fotodinâmica mediada por nanoemulsão à base de óleo de açaí contra câncer de pele não-melanoma. 2013. 100 f., il. Dissertação (Mestrado em Biologia Animal)—Universidade de Brasília, Brasília, 2013.

2-            ARAÚJO, HLL . Efeitos de combinações entre o ácido anacárdico derivado da casca da castanha do caju (Anacardium occidentale) e o óleo de açaí (Euterpe oleracea Mart.), livres ou nanoestruturados, no tratamento de células de câncer de pele não melanoma, in vitro. 2017. 86 f., il. Dissertação (Mestrado em Nanociência e Nanobiotecnologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017

3-            DAHER, CC. Desenvolvimento de emulsões o/a contendo extrato glicólico de açai e avaliação da atividade fotoprotetora. 2014. 115f. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) – Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.

4-            Petruk G1,  ET AL. Malvidin and cyanidin derivatives from açai fruit (Euterpe oleracea Mart.) counteract UV-A-induced oxidative stress in immortalized fibroblasts. J Photochem Photobiol B. 2017 Jul;172:42-51.

5-            Monge-Fuentes  V. Et al. Photodynamic therapy mediated by acai oil (Euterpe oleracea Martius) in nanoemulsion: A potential treatment for melanoma. J Photochem Photobiol B. 2017 Jan;166:301-310.

6- Kim YS, Han YS, Kim H, Park JH. The Effects of Euterpe oleracea Mart. (Açaí) Extract on the Survival of Random-Pattern Skin Flaps in Rats. Plast Reconstr Surg. 2015 Oct;136(4 Suppl):78-80.

CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Fique por dentro das últimas novidades